segunda-feira, 26 de março de 2012

para tempos difíceis


Banho de sal grosso. É o que logo recomendam para tempos difíceis. Mas a receita ideal mesmo seria esta: recolhimento. Porque na ida à loja em busca do sal grosso, muitas artimanhas do destino estão lhe esperando. Então, recolhimento total para tentar compreender essa contramão, essas águas que não descem, mas sobem enquanto você tenta andar sobre elas: redemoinho de água, eis a imagem mais patética e trágica que ilustra tal momento. Falar? Para quê? A coisa piora. É melhor ficar em silêncio total. Apagar o abajur da sala, do quarto. Desligar a televisão, o rádio, o som. Desligar a campainha e esperar Deus. Ele por certo virá. Você perguntará sobre essa colisão e não ouvirá nenhuma resposta. Deus não responde; ele é o maior silêncio do universo. É preciso muita paciência com ele.

3 comentários:

M. disse...

Sim, você está certa: o melhor é esperar pacientemente. Espero que tudo fique bem. Bjs

Chorik disse...

Não perca tua fé, amiga. Mas se perder, tentarei mantê-la por nós. Espero que esteja melhor. E desculpe se não estou tão presente. Não teria nada de tão bom pra te ofertar. Só minha prece, não para que nada te ocorra, mas para que saiba dominar o medo e reagir teimosamente quando o mais fácil seria desistir. Bj Aero.

ideia não tem a(ss)ento disse...

muita paciência mesmo...