sábado, 26 de setembro de 2009

Meu querido Vinícius


Uma menina dançando caminho das índias; um menino dançando mickael jackson; um menino jogando bola; uma menina cantando música da própria autoria; um menino com um microfone feito por ele, vestido com o paletó do pai, brincando sério com a vocação de repórter. Cinco meninos disputando duas vagas num concurso intitulado talento mirim. Claro que eu estava torcendo para o meu menino, talentoso demais; entretanto não pude deixar de perceber que a menina de onze anos, cantando música da própria autoria, também se destacava. O jogador também, via-se claro o talento nas pernas. Mas quem ganhou foi quem requebrou: a dançarina de caminho das índias e o mini mickael jackson. Como não lamentar? Oh, meu querido Vinícius, não fique triste, eu também perdi na sua idade muitos concursos. Aos doze anos cantava visceralmente uma música de rita lee. Não levei nada. Aos vinte, trinta participei de vários concursos de poesia. Chegava perto, mas nunca levei nada. Sei como é essa dor por dentro: parece que o peito vai se fechando, fechando. Dá vontade de dar um murro no mundo, quebrar os dedos de quem votou naquela menininha besta dançando caminho das índias; e intimar os pais do mini mickael jackson para uma conversa na delegacia. Ih, não leve a sério minha violência, você sabe que é só fachada. Mas hoje me senti com a sua idade, injustiçada num mundo que decide ser talento não as vocações intelectuais, mas tão somente àquelas relacionadas ao corpo e seus movimentos requebráveis.



Imagem: www.flickr.com

9 comentários:

M. disse...

Para mim, Vinícius, você foi o grande campeão. Beijos, M.

Gerana Damulakis disse...

Ele é campeão!!! Diga para ele, por favor.

maria guimarães sampaio disse...

Passei o dia numa fazenda, quando voltei encontrei o aviso que seria ontem - já havia sido. Deixei para ler o post hoje.
Sabia que não aguento essas merdas de dança aqui dança acolá de adulto que dirá de criança. E... o prêmio vai para essas porras - realmente! não dá para aguentar.
Por Vinicius fico chateada de não ter visto. Pelos ganhadores fico feliz de não ter sujado meus olhos.
Parabéns Vinicius, você já é vitorioso por se prestar a apresentar junto com uma canalha daquelas.

Tati Francine disse...

Lamento ñ ter votado, estava num congresso jurídico. Mas foi relamente uma pena, Vinícius já é um talento mirim e ñ precisa de concurso nenhum para provae isso!!! Já sou sua fã e, o assistirei toda a noite qd ele substituir Wiliam Bonner no Jornal Nacional!!! Bjux

I.Moniz Pacheco disse...

Entrei lá e votei. Diga pro Vinicius não ficar triste.
Triste Bahia!

Nílson disse...

Fui prum evento e cheguei no início da tarde: perdi a hora exata da votação. Mas torci por Vinícius. Pena, mas é assim mesmo: nesses concursos, a habilidade corporal sempre tem a dianteira. E nós, que não temos, não tivemos nunca esse diabo de habilidade corporal??? Sei lá, nós passarinho!!!

Lidi disse...

Concordo com Tati: Vinícius é um super talento, ganhando ou não um concurso! Beijo, Aero.

Janaina Amado disse...

Acho muito lindo este seu amor pelo sobrinho. Viva Vinícius, o por quem torci!

Priscila Povoas disse...

Vinícius é muito lindo e com vários tqalentos!
Diga a ele que um concurso é apenas um concurso.
Beijos

Martha